sexta-feira, 28 de agosto de 2009

A roda do ônibus



A roda do ônibus roda, roda, roda, roda
A roda do ônibus roda, roda pela cidade

A porta do ônibus abre e fecha, abre e fecha, abre e fecha
A porta do ônibus abre e fecha pela cidade.

Os passageiros sobem e descem, sobem e descem,sobem e descem
Os passageiros sobem e descem pela cidade.

O neném faz nhé, nhé, nhé, nhé, nhé, nhé
O neném faz nhé, nhé, nhé pela cidade.

A mamãe faz xiii, xiii, xiii, xiii, xiii
A mamãe faz xiii, xiii, xiii pela cidade

A buzina faz bi, bi, bi, bi, bi, bi
A buzina faz bi, bi, bi pela cidade.

Um comentário:

Adriano disse...

Oi Ale, tudo bem? Tenho olhado o seu blog e acho muito legal o enfoque dado à educação infantil.

Certa vez li um texto que comentava o sentido geralmente negativo dado a diversas cantigas de roda da cultura brasileira, e passei a observar isso e perceber que tinha uma pontinha de razão. Observei várias cantigas, e muitas têm em sua letra assuntos relacionados com desobediência, intolerância, separação, acidentes, tristeza... e até morte. E me perguntei se isso era realmente necessário ser apresentado a crianças pequenas em fase de aprendizado.

Não é o caso dessa cantiga "A roda do ônibus". O que você acha? Grande abraço!!